Viagem ao japão Cultura

Cultura

Kabuki

Kabuki

Kabuki ou cabúqui é uma forma de teatro japonês, conhecida pela estilização do drama e pela elaborada maquiagem usada por seus atores.

O significado individual de cada ideograma é canto, dança e habilidade, e por isso a palavra kabuki é ás vezes traduzida como "a arte de cantar e dançar".

Esses ideogramas, entretanto, são o que se chama de ateji (ideogramas usados apenas com sentido fonético) e não refletem a etimologia mesma da palavra. Acredita–se, de fato, que kabuki derive do verbo kabuku, significando aproximadamente "ser fora do comum", donde se depreende o sentido de teatro de "vanguarda" ou teatro "bizarro".

Sua origem remonta ao início do século XVII, quando se parodiavam temas religiosos com danças de ousada sensualidade.

No ano de 1629, esse tipo de teatro foi proibido pelo governo.

O espetáculo passou a ser encenado então por rapazes que se travestiam de mulher.

Contemporaneamente, o teatro kabuki se tornou um espetáculo popular que combina realismo e formalismo, música e dança, mímica, encenação e figurinos, implicando numa constante integração entre os atores e a platéia.